Blog

Aprenda como limpar a caixa de gordura de forma rápida e descomplicada

Saber como limpar a caixa de gordura da forma adequada é muito importante, pois ela é um equipamento essencial nas residências e estabelecimentos comerciais, sendo até obrigatória em alguns lugares, como no estado de São Paulo.

Pois além de canos entupindo, transbordando e com mau cheiro não ter uma caixa de gordura ou não fazer a manutenção adequada, pode ser prejudicial para o meio ambiente.

Por isso é importante compreender como funciona e por que razão deve-se higienizá-la.

 

O que é e por que limpar a caixa de gordura?

A caixa de gordura é um tanque que retém as partículas de gordura oriundas da pia da cozinha e evita que estes resíduos contaminem a rede de esgoto.

Também a caixa de gordura evita que animais como ratos, baratas e mosquitos entrem nos locais pela tubulação.

Ela deve ser colocada fora dos estabelecimentos em um lugar arejado, com somente a tampa visível.

A instalação deve ser feita sobre uma camada de areia bem compactada para garantir a estabilidade da caixa.

As caixas de gordura funcionam de forma muito simples:

  1. A caixa de gordura deve ter determinada quantidade de água de acordo com o seu formato e tamanho.
  2. A gordura entra pelo encanamento da pia da cozinha.
  3. Como a gordura é menos densa que água ela acaba subindo e acumulando na parte de cima da caixa, não comprometendo a tubulação que passa por baixo.

Caso isso não ocorra o óleo usado se acumula nas tubulações causando entupimentos e vazamentos.

Além disso, a gordura acumulada é altamente nociva para o meio ambiente, de acordo com a Sebesp 1 litro de óleo pode contaminar até 25 mil litros de água.

Prejudicando a natureza, pois podem poluir o solo e as águas, causando a morte de peixes e outras espécies.

Também aumentam o custo de manutenção pública da rede de esgoto e do tratamento da água.

Para evitar estes transtornos recomenda-se que a higienização seja feita de 6 em 6 meses em casas e de 3 em 3 meses em apartamentos.

Já em estabelecimentos comerciais no mínimo uma vez por mês, sendo que caso seja um local maior, combastante fluxo, uma vez por semana.

Agora conheça os tipos de caixa de gordura e saiba como escolher.

Quais são os tipos de caixa de gordura?

Existem dois principais tipos de caixa de gordura, a de alvenaria e a de PVC.

A de alvenaria tem a vantagem de ser mais vedada evitando assim o mau cheiro, enquanto que a de PVC é mais fácil de fazer a limpeza e a manutenção.

O dimensionamento da caixa de gordura irá depender do número de cozinhas que ela irá atender.

Por exemplo, uma casa com uma cozinha precisa de uma caixa de gordura com 30 cm de diâmetro, sendo que destes 30 cm, 20 cm devem estar submersos com uma tubulação de saída de 75 mm.

Já em um estabelecimento com até 12 cozinhas precisa-se de uma caixa de gordura dupla de 60 cm, com 35 cm submersos e uma tubulação de saída de 100 mm.

Agora, segue o passo a passo de como limpar a caixa de gordura adequadamente.

Como limpar a caixa de gordura?

Se for somente uma limpeza periódica simples qualquer pessoa consegue limpar a caixade gordura.

Entretanto, caso já estejam ocorrendo vazamentos ou entupimentos frequentes é recomendável solicitar a uma equipe profissional.

Dito isso, seguem as etapas para limpeza da caixa de gordura.

1.   Etapa: preparação

Antes de limpar a caixa de gordura é importante lembrar que os restos de gordura podem estar contaminados, por isso usar equipamentos de segurança como luvas de borracha, óculos e máscara.

Dependendo do modelo da caixa pode ser necessária uma chave de fenda para retirar a tampa.

2.   Etapa: remoção

Retirada a tampa, caso a caixa de gordura tenha uma cesta de limpeza remova-a e tire todos os resíduos de gordura e os coloque em um saco plástico reforçado.

Caso a sua caixa seja de alvenaria, pode-se utilizar uma espátula ou colher de pedreiro.

3.   Etapa: higienização

Após retirar o máximo de sujeira possível limpe a cesta e a caixa, pois pode ser que fique gordura presa nas paredes.

Na cesta utilize uma esponja com sabão, esfregue bem e lave em água corrente.

Se for uma caixa de alvenaria, remova a água restante e limpe com uma esponja e sabão.

Também é possível utilizar água sanitária para facilitar a remoção da sujeira.

Após isso não se esquecer de tampar a caixa de gordura.

4.   Etapa: limpe o sifão

Para aumentar a durabilidade do encanamento é bom aproveitar e limpar também o sifão que fica embaixo da pia da cozinha.

Para a limpeza serão necessários: um balde, esponja, água e sabão.

Utilize o balde para retirar o restante de água que esteja no sifão, limpe-o com a esponja, a água e o sabão e recoloque o sifão na tubulação.

Ao final do procedimento lembre-se de descartar a gordura em postos de coleta adequados.

Também seguem alguns cuidados para manter a caixa de gordura em bom estado.

Dicas para proteger a caixa de gordura:

  • Não utilizar soda cáustica ou água quente na limpeza da caixa de gordura, pois elas irão diluir a gordura e a fazer passar pela tubulação, comprometendo assim a rede de esgoto.
  • Na hora de fazer a compra da caixa de gordura procure o tamanho e modelos de acordo com o que precisa.
  • Retirar os restos de comida da louça antes de lavá-la na pia e utilizar um ralinho na pia da cozinha para evitar que eles passem pelo cano.
  • Fazer a limpeza periódica da caixa de gordura de acordo com a sua necessidade.

Como já dito, caso não seja possível fazer a limpeza, ou existam vazamentos e entupimentos frequentes, contratar um serviço de limpeza profissional é o mais indicado.

Sendo este o caso você pode contar com a Dezjato!

A Dezjato é uma empresa comprometida em entregar um serviçode altíssima qualidade, com um custo acessível.

Contate-nos e agende uma visita gratuita!

Se inscreve ai, para saber primeiro as nossas novidades
Obrigada! Seu email foi recebida!
Ops! Algo deu errado ao enviar o email.