As baratas causam repulsa na maioria das pessoas, não é para menos, pois são agentes transmissoras de várias doenças.

Sendo assim saber como evitar uma infestação delas é muito importante para a saúde doméstica.

Porém enganasse quem pensa que as baratas são apenas pragas.

As baratas são animais antigos, acredita-se que tenha surgido há mais de 300 milhões de anos.

Estima-se que existam cerca 5.000 tipos de baratas no mundo sendo que elas só não são encontradas na Antártida e no Ártico.

O principal papel que as baratas desempenham no meio ambiente é o de limpeza e reciclagem da matéria orgânica em decomposição.

Sendo que somente em torno de 30 das espécies são consideradas pragas.

Por isso antes de saber como evitar que as baratas cheguem às residências, é importante compreender um pouco sobre elas.

Quais baratas infestam as casas e causam doenças?

Como dito, apenas algumas espécies de baratas causam infestações nos ambientes urbanos.

Nas cidades brasileiras as duas espécies mais comuns são:

A barata de esgoto ou barata americana (Periplaneta americana)

Conforme o nome este tipo de barata é mais encontrada dentro dos esgotos, tubulações, galerias subterrâneas e ralos.

Estas baratas são capazes de viver até 4 anos.

A barata francesinha ou alemã (Blatella germanica)

Esta espécie costuma aparecer dentro das residências em cozinhas, despensas, pias, bancadas e fornos.

Elas não vivem mais que um 1 ano.

Por habitar em locais com lixo e comerem praticamente qualquer tipo de matéria orgânica as baratas são vetores de várias enfermidades.

As doenças mais comuns são: hepatite A, cólera, lepra, febre tifoide, herpes, pneumonia e conjuntivite.

Por isso, aplicar estratégias para impedir que as baratas transitem pela comida e ambientes domésticos é uma importante forma de prevenção para potenciais contaminações.

Como as baratas urbanas vivem?

O ciclo de vida das baratas acontece em 3 etapas:

  1. Ovo: as fêmeas armazenam óvulos em um tipo de cápsula chamada ooteca, dependendo da espécie ela carrega até a eclosão ou deposita em um local apropriado.
  2. Ninfa: quando o óvulo eclode nasce uma ninfa, elas são menores que as adultas, não possuem asas e são sexualmente imaturas.
  3. Adulta: Entre 2 a 18 meses, dependendo da espécie, a ninfa se torna uma adulta.

A reprodução das baratas acontece de forma acelerada, pois uma barata de esgoto põe de 12 a 20 ovos por vez, e uma barata francesinha de 30 a 50 ovos.

Também por serem animais muito resistentes, podem ficar semanas sem comida e dias sem água, além de sobreviver até uma semana sem a cabeça.

O que facilita ainda mais a sua proliferação nos meios urbanos.

Agora seguem as dicas para evitar que elas invadam as residências.

como evitar baratas
como-evitar-baratas

Dicas de como evitar a infestação de baratas

As baratas são muito adaptáveis tanto para alimentação quanto moradia, por isso são tão difíceis de serem totalmente eliminadas.

No entanto algumas atitudes podem ser tomadas para evitar esses mal.

1.   Eliminar potenciais esconderijos

Por terem uma visão ruim e para evitar contato com predadores, às baratas possuem hábitos noturnos e passam em média 75% do diae scondidas.

Elas têm preferência por ambientes fechados, úmidos e escuros, por isso a melhor forma de se prevenir é cuidar para não deixar o ambiente favorável para elas.

Verificar e limpar caixas de papelão, caixotes, atrás dos armários e gavetas são algumas das atitudes necessárias.

2.   Evitar acúmulo de dejetos orgânicos

As baratas podem comer todo o tipo de material orgânico, por isso não esquecer restos de alimentos nas mesas, pratos e copos.

Também evitar que migalhas se espalhem pela casa, nos sofás, camas e nos computadores.

3.   Retirar o lixo frequentemente

Lixeiras são os ambientes favoritos de muitos insetos, com as baratas não é diferente, afinal eles proporcionam comida e abrigo.

Por isso não amontoar lixos e deixar os sacos bem fechados é fundamental.

4.   Manter alimentos em ambientes fechados

Para impedir que as baratas cheguem até os alimentos é recomendável manter eles sempre em potes com tampa ou sacos bem fechados, mesmo que estejam nos armários.

Também evitar que a ração e água dos animais de estimação fiquem expostos sem a devida higienização.

5.   Vedar frestas e rachaduras

Além de pequenas as baratas são extremamente flexíveis podendo passar por pequenas frestas.

Por isso para dificultar que elas entrem nas residências sempre obstruir estes locais.

6.   Proteger ralos e tubulações

Algumas espécies de baratas podem sobreviver até 30 minutos em baixo da água.

Assim é importante colocar telas ou grelhas nos ralos e fechar tubulações que não estão sendo utilizadas.

7.   Passar aspirador nos móveis

Para eliminar os focos de óvulos aspirar embaixo de sofás, camas, colchões, almofadas, e tapetes é uma boa opção.

8.   Manter a limpeza geral

Como pode ser observado nas dicas acima, a forma mais eficaz de evitar infestações de baratas é manter o ambiente sempre higienizado e organizado.

Também é possível utilizar inseticidas encontrados em mercado, porém eles devem ser usados com muito cuidado, pois são prejudiciais a saúde.

Ainda vale ressaltar que como as baratas são animais muito resistentes pode ser que os inseticidas não funcionem com elas.

Por isso seguem algumas técnicas com repelentes naturais pode evitar que as baratas entrem.

Repelentes naturais

Seguem 3 dicas para evitar baratas de forma natural:

1.   Utilizar folha de louro

Colocar algumas folhas de louro nos locais que as baratas costumam aparecer evita que elas retornem.

2.   Utilizar alecrim

Pingar 2 gotas de óleo essencial de alecrim em bolinhas de algodão e deixá-las nos locais mais propícios para as baratas também as espanta.

3.   Bicarbonato e açúcar

Misturar meio copo de bicarbonato de sódio com meio copo de açúcar e colocar em locais estratégicos também pode funcionar como um repelente.

O açúcar irá atrair as baratas, no entanto os gases provocados pelo bicarbonato farão com que elas passarem mal e não voltarem à residência.

Dependendo da quantidade ingerida a barata pode até morrer.

Porém, se mesmo com todos esses cuidados as baratas consigam entrar na sua casa ou empresa você deve entrar em contato com uma equipe profissional como a Dezjato.

A Dezjato atende na grande São Paulo, litoral e interior todos os dias da semana com preços acessíveis, mas prezando sempre pela qualidade.

Não hesite em agendar uma visita grátis!